Quarta-feira, 26 de Novembro de 2008

Um pouco de Angola na origem dos EUA

ImageA antropóloga norte-americana Sheila Walker disse, em Luanda, que o surgimento e o desenvolvimento do actual Estados Unidos da América (EUA) contou com o inestimável contributo dos africanos, em particular angolanos.

A par dos britânicos e indígenas (índios), os cientistas, segundo Sheila Walker que falava sobre o tema "A presença angolana nas Américas e Caraíbas", no Museu de História Natural, descobriu-se que em 1619, no Estado de Virgínia, local da formação da EUA, estavam também presentes angolanos como resultado da escravatura.

Negar-se o contributo do africano no surgimento dos Estados Unidos da América, como se fazia, já não é possível. Existem provas evidentes na cultura norte-americana do engajamento dos afro-descendentes, desde a música, religião e até aos nomes usados.

A antropóloga menciona ainda que esta presença dos africanos é patente numa boa parte do continente americano e em outras partes do mundo, como na Índia e nos países Árabes muçulmanos, onde se denota igualmente no comportamento de algumas comunidades mundiais.

"Nomes como Jinga e Congo, assim como instrumentos musicais como marimba, hungu, são frequentemente utilizados por estas comunidades africanas nas suas cerimónias e vida quotidiana em outras localidades do mundo, “pese embora, com outras designações", salientou.

Sheila Walker revelou que, há poucos anos atrás, descobriu que a sua tetravó se chamava Amélia Congo, descoberta essa que a tem também impulsionado a pesquisar mais sobre a presença africana no mundo e os esforços consentidos para a construção e desenvolvimento de muitos países.

Após agradecer a intervenção da antropóloga Sheila Walker, o director do Museu Nacional de Antropologia, Simão Souindoula, disse que a História de Angola não pode ser vista apenas como nacional, mas também além-fronteiras.

Sheila Walker, além de antropóloga, é cineasta, professora universitária, bem como directora executiva da organização norte-americana ‘Afrodiaspora’ e membro do Comité Internacional da Unesco sobre o Projecto "A Rota dos Escravos".

 
publicado por saudacoesangolanas às 19:03
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. simplesmentedetalhes

. ...

. Finalmente o turismo Ango...

. DJ Kadú ganha disco de ou...

. A economia de Angola não ...

. Bolsa de valores em Ango...

. Construção "uma mina de o...

. Angola na Expo-China

. Grande Festa Mangolé

. Mia Couto e Agualusa nome...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Desconstruções

blogs SAPO

.subscrever feeds