Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008

100 mil Chineses em Angola?

ImageGrupos imensos de chineses esperam a sua vez de terem os passaportes carimbados. A oficial da imigração reclama para quem quiser ouvir: “Esses chineses vêm a Angola e não conseguem entender o que é perguntado.” Os recém-chegados não entendem uma palavra.

A multidão que desembarca diariamente em Angola tem uma explicação: a China é hoje um dos principais financiadores da reconstrução do país, devastado depois de quase três décadas de guerra civil, que só chegou ao fim em 2002.

Em troca de empréstimos e apoio massivos – estima-se que sejam mais de USD 4 biliões desde 2004 –, a China garantiu uma fatia generosa da futura produção de petróleo de Angola, hoje o segundo principal produtor na África subsahariana, atrás da Nigéria.

O acordo também determina que 70 por cento dos projectos de reconstrução devem ser dados a empresas chinesas, que preferem trazer os seus próprios trabalhadores.

Segundo dados da Embaixada da China em Angola, hoje são 20 mil chineses a trabalhar em todo o país, embora alguns relatórios estimem essa população entre 40 e 100 mil.

Com esposa e filho na China, He Fei, 35 anos, reúne todas as características da força de trabalho chinesa em Angola: homem, jovem, casado e em busca de melhores oportunidades no além-mar.

“Vim para Luanda, porque não tinha dinheiro. Aqui as coisas são melhores”, diz He, que trabalha na obra de um prédio de sete andares na área da Maianga.
Porém, uma série de factores pode inviabilizar o sonho de uma vida melhor: a mobilidade, a distância da família, o dinheiro que sobra no final do mês e a falta de campanhas de prevenção tornam os imigrantes um alvo fácil para o HIV.
 
publicado por saudacoesangolanas às 19:34
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. simplesmentedetalhes

. ...

. Finalmente o turismo Ango...

. DJ Kadú ganha disco de ou...

. A economia de Angola não ...

. Bolsa de valores em Ango...

. Construção "uma mina de o...

. Angola na Expo-China

. Grande Festa Mangolé

. Mia Couto e Agualusa nome...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Desconstruções

blogs SAPO

.subscrever feeds