Quinta-feira, 4 de Dezembro de 2008

Consumo! a quanto obrigas

O ministro das Finanças, Severin de Morais, defendeu quinta-feira, na cidade do Huambo, a necessidade do país ter um sector privado mais forte e capaz de atender a demanda da sociedade em bens de consumo e em serviços.


O ministro das Finanças fez este pronunciamento no encerramento da primeira conferência nacional do sector privado, que durante dois dias, decorreu na cidade do Huambo.

No encontro, o governante disse que a necessidade de um sector privado forte justifica-se, pois quanto maior for a capacidade desse segmento em atender as necessidades da sociedade, tanto menor poderá ser o peso do estado na economia.

Severin de Morais referiu que o sector privado nacional, por ser ainda incipiente por razões históricas, o governo entende ser necessário intervir para o fortalecer, pois só assim se poderá assegurar a criação de uma base económica e empresarial nacional forte, factor que é estratégico para o desenvolvimento sustentável do país.

Disse ser fundamental estabelecer um mecanismo de diálogo permanente e estruturado entre o sector privado e o governo, além de buscar um maior envolvimento do estado na solução dos constrangimentos que afectam o bom desempenho sector privado.

Segundo afirmou, o governo aposta na criação de condições favoráveis ao investimento, que passa pela estabilidade política, macroeconómica, disponibilidade de infra-estruturas básicas funcionais, obtenção de conhecimentos e pela existência de instituições capazes.

Na ocasião, apelou à classe empresarial do país a empenhar-se para a criação de uma base económica e empresarial forte, participando no diálogo com o governo.

 
publicado por saudacoesangolanas às 16:57
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. simplesmentedetalhes

. ...

. Finalmente o turismo Ango...

. DJ Kadú ganha disco de ou...

. A economia de Angola não ...

. Bolsa de valores em Ango...

. Construção "uma mina de o...

. Angola na Expo-China

. Grande Festa Mangolé

. Mia Couto e Agualusa nome...

.arquivos

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Abril 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Abril 2008

.tags

. todas as tags

.favorito

. Desconstruções

blogs SAPO

.subscrever feeds